segunda-feira, agosto 16, 2010

Bridget Jones seria eu? rs

De molho -quase enlatada -em casa devido a uma bronquite acompanhada de uma bela sinusite e da garganta inflamada. Sabe, como é...Sou uma mulher que vive nos extremos. Então um só seria de menos. Rs

Hoje, aproveitando minha licença do trabalho e a minha não concentração para os estudos, também o corpo mole, cansada me rendi a TV e passei à tarde vendo um filme chamado Diário de Bridget Jones que passou no canal Warner. E não é que este filme me remeteu a mim mesma. Q coisa! Rs

Bridget Jones é uma balzaca, solteira, lunática, jornalista, bebi muito, está acima do peso, se acha uma idiota a maior parte do tempo, desastrada, escreve um diário e fuma feito uma chaminé, excluindo o cigarro de resto temos muito em comum. O filme é divertido e conta as peripécias dessa balzaca em busca do amor. Sempre se confundindo e metendo os pés pelas mãos. Outra coisa em comum da blogueira aqui com a personagem do filme. Sempre sou ansiosa demais e faço tudo errado na maioria das vezes. Outro dia um velho amigo me disse: Eu te amei a minha vida toda e você nunca notou. Tive quase um colapso nervoso. Porque eu o amei sempre calada, porque achava q eu nunca seria o tipo dele( eu maluquete demais e ele certinho demais). E hoje casado ele me confessou isso. Claro que me confundiu, pois ele ainda me queria. Mas, como eu não tenho vocação para amante, sou desastrada demais e nas questões de amor um pouco escandalosa, então passou e eu perdi...Mas, o q quero dizer com isso é que perdi muitas oportunidades por um certo preconceito, baixa-estima e uma certa estupidez. Coisas para pensar, voltemos ao filme.

A minha heroína é disputada por dois homens muito atraentes Mark e Daniel. Retomando todo meu instinto primário de fêmea, confesso adorei ver os dois bofes se esmurrando por causa da Bridget, ao som de It's Raining Men , caracas que cena! Quase me levantei a cama. Rs Se todo homem sonha com duas mulheres juntas na mesma cama, porque eu não posso sonhar com dois bofes se esmurrando por mim. Instinto de fêmea. É só analisar a natureza. Hehehe For the first time in history. It's gonna start raining men. It's raining men! Hallelujah it's raining men, Amen!
Aleluia!

Uma das cenas mais bonitas do filme é quando Mark diz a Bridget que gosta dela como ela é. Exatamente. Sem tirar, nem por. Sem mudanças. Como eu gostaria de ouvir isso: Daniela, gosto de vc assim como és. Mesmo sendo viajada, maluquete, desastrada, ansiosa, compulsiva. E perdi a chance, por estupidez. Mas, não vou chorar o leite derramado. Posso até brindar por ele com um bom vinho. Rsss Claro, depois q parar de usar antibióticos. Voltando ao Mark ele é o tipo de homem q eu me manteria distante, pois é mauricinho e certinho demais. E eu sempre pensei q uma pessoa porra louca como eu não atrairia tipos assim. Mas, por puro preconceito e baixa-estima na verdade. Porque um mauricinho como o Mark não poderia me achar interessante? E até dizer q me aceita como sou. Sem querer me mudar. Talvez eu sempre busque as coisas da forma errada. Talvez conceitos foram feitos para serem quebrados. Esteriótipos são besteiras. Mesmo sem respirar direito me sinto mais livre...

Trilha sonora do dia - Out Of Reach - Vale ver e ouvir.

2 comentários:

WiLL disse...

Querida Dani Jones:
Esse seu lance com os mauricinhos, hem... ainda vai render. Deve ter sido alucinante e frustrante saber q esse amigo era louco por vc a vida toda... E pq não se declarou? E Pq vc não se declarou?
Percebe que isso pode acontecer de novo? Claro, talvez atualmente a situação seja diferente. Talvez não, é diferente. Mas agora que sabe o q um dia aquele amigo sentiu por vc, vai esperar mais 10 anos pra ouvir outra declaração, ou pra quem sabe se declarar?
Bem, não estou nos melhores dias pra falar de amor...
Bjokas

Tiago leal disse...

Minha querida, mais uma vez um texto ótimo de uma maturidade literária que não se encontra fácil na blogosfera. Contudo, seu coração ainda está na infância e precisa ser lapidado para tomar a forma de um coração adulto. Quem sabe está dando as costas para o camo verde e fitando o deserto? Las Vegas brilha feito um mauricinho engomado mas é tão árida que ninguém quer morar lá. Campos férteis são aqueles que nos alimentam as raíses e amortecem nossos frutos maduros ao cair. Procure com atenção e verá que próximo a você há muitas oportunidades para germinar a sua semente, basta para isso, que vc quebre a casca que te protege do mofo. Um beijo.