terça-feira, maio 18, 2010

Soubesses...

NOTA MENTAL E SENTIMENTAL: Mais uma vez subvertendo alguns padrões normativos, trazendo a nota em primeiro plano. rs 

   O objetivo da nota hoje é de certa forma agradecer a pessoas que fazem meu cotidiano ser menos pesado, também detalhar alguns acontecidos no dia de hoje, os quais me deixaram feliz. Primeiro ponto: Quero deixar aqui todo meu amor e agradecimento ao meu amigo Will, por todo carinho e por todo amor que tem sido durante nossa convivência nesses anos. Hoje o Will falou de mim em seu blog: http://williamtradutor.blogspot.com Na verdade comentou sobre minha desordem e atitude de arrumação diante do caos que é minha vida e meu quarto. Talvez, sobre minha redescoberta, e principalmente sobre minha coragem! Obrigada, meu amor! 

    Hoje ouvi uma coisa bacana do meu pai: Hoje meu pai fez uma descoberta interessante à respeito da mídia tradicional. Ele me questionou na hora do almoço o porquê dos veículos de comunicação maiores não divulgarem a pesquisa Vox Popoli e da Sensus onde a candidata a presidência pelo PT Dilma aparece na frente do candidato Mrs.Burns( PSDB). Achei legal ele ter percebido isso. E olha que meu pai é relativamente conservador...rs A minha resposta foi explicar com calma o funcionamento dos veículos de comunicação. Ele concluiu por si, que é melhor procurar informações na internet. Talvez, o ensine a utilizar o twitter

Monet também pintou girassois

Soubesses...


Às vezes, queria que tu soubesses que venho aqui todas as noites para vê-lo. Aqui no meu notebook, no meu quarto, nas minhas músicas, nas cartas guardadas, as quais não te enviei. Queria de verdade, que tu soubesses que tomo aqui meu vinho rim e barato para dormir, dormir contigo, ou ficar acordada a noite inteira escrevendo e pensando no que é elegante e sensato te dizer. Em como irei te olhar e dizer o quanto o desejo. Se tu soubesses o quanto é objeto do meu desejo, acredito que estarias na minha cama. Desejo-te tanto que moras em cada centímetro do meu quarto, da minha pele e carne. Moras nos meus discos, livros, CDs e embaixo das cobertas. Penso em você de todas as formas visíveis e invisíveis. Se tu soubesses que seu corpo é que me dá forças para viver, ele é a máquina propulsora da Daniela. Se tu soubesses que me salvou de mim mesma: das minhas angustias, solidões noturnas e da morte. Se soubesses que meu coração dispara quando escrevo estas palavras, talvez estivesses aqui? Pergunta que não cala e que me embriaga. Tu serias capaz de me ama se soubesses da minha saudade sem complemento e sufocada, das minhas mãos, boca, do meu sexo, da tua ausência, prenunciado o amor. Isso tudo pesa e sangra, mas me dá vida. Se tu soubesses que é a minha linguagem: a minha tradução e que sua voz sobrevive em mim. Soubesses... 
Comentário: Voltei ao amor a pedido do Will. E agora to tão corajosa que já me declaro para ele em segunda pessoa. rs
Trilha sonora do dia -  Bring Me To Life - Fala de vida, morte e salvacao...Soubesses...http://www.youtube.com/watch?v=NxHDWbDeSL8

9 comentários:

Anônimo disse...

Se ele soubesse certamente estaria agora louco por você. Você despertada o desejo de ser ele. Se ja leu seu texto, deve estar agora desesperado, para ter-te em seus braços, em sentir o seu cheiro, em tocar sua boca.

WiLL disse...

Dani, vou nanar agora, mas passei pra dizer que sua poesia é linda. Vc escreve de modo cativante. Amanhã comento mais. Bjs

Rony disse...

Dani,
Não comento sempre, mas " to te lendo"!
To adorando seus textos!
Beijo e acho que a gente se encontra na " Virada"!

WiLL disse...

Dani,
Seu pai não foi o único a aprender com vc a "ler" a mídia. Eu tb aprendi com vc a prestar atenção à parcialidade dos meios de comunicação. Não que não os leia mais, mas leio percebendo essas questões políticas e ideológicas. Talvez não depreenda tudo, mas consigo fazer bem isso, acho.

"Desejo-te tanto que moras em cada centímetro do meu quarto, da minha pele e carne. Moras nos meus discos, livros, CDs e embaixo das cobertas."
O seu post todo é sensacional, pela qualidade literária, pela expressão intensa de um amor mais intenso ainda. Esse trecho foi um dos que mais gostei, mas foi difícil selecionar apenas uma parte desse todo pra dizer que gostei mais.
bjokas

Anônimo disse...

Senhorita Daniela,

Agora sou eu que estou sem folego.
Dani, vc tem muito estilo literário. Escreve com tanto sofrimento, tanto sentimento.
Vc deveria tentar editar algo, sua qualidade literaria é perfeita.
Eu sinto sua falta.
Bjos do Júnior

Anônimo disse...

Dani,
é sincero, doce, profundo... e lindo! vc está melhor a cada dia!
bjs
Cami

Girassol disse...

Camilinha,

Que saudade de vc! Vou p sampa o mês que vem...Vai pensando nos passeios. rs Prometo q não te levarei ao Bar do Chico Buarque. Adoreiiii vc aqui! Saudadinha...Adoro vc! Temos tanto p conversar, meu amor! bjo

Will, Seus comentários sempre são um post a parte. Adoro suas colocações sensatas e apaixonadas. Dicotomico! Adoro! E hoje a noite promete...o café. Queria q o Alex fosse com a gente no café. Iria render muitas discussões políticas, filosoficas. hahaha

Rony, nos veremos na virada sim...Afinal teremos q trampar. kkkk Proletários. rs
Adoro vc, meu amigo! bjo

Anônimo não tão anônimo...rs Meus olhos estão molhados diante de tanta docura. Obrigada! O café ainda está em pé?
bjo

Anônimo disse...

Lindo, cada dia uma surpresa!!!!
Muito bom de ler, seus textos são tocantes!!!!!
bjo
adorooooo
ellen

mauro disse...

... Jamais poderia imaginar que por trás deste seu rosto angelical(ohhh) pudesse haver uma mulher tão intensa...quem será heim DANI.